quinta-feira, abril 6

20 anos a fazer o bem!


Leigos para o Desenvolvimento:
PARABÉNS!


Os Leigos para o Desenvolvimento são uma organização não governamental para o desenvolvimento (ONGD) de cariz católico que está a comemorar 20 anos de existência. Entre as várias iniciativas previstas para o dia 11 de Abril, data da fundação, está o lançamento do livro "Voluntários ao Sul do Equador", que será distribuído nesse dia, com a edição do Jornal "Público". Os voluntários são cristãos leigos que, por um ou mais anos, põem as suas capacidades pessoais e profissionais ao serviço da promoção humana, em África e Timor Leste. Os Leigos para o Desenvolvimento assumem-se como uma proposta de caminho para quem escolhe não ser indiferente à realidade complexa e desigual do Mundo.

Historial

No final da década de 70, em Coimbra, um grupo de jovens recém-licenciados que frequentava o Centro Universitário Manuel da Nóbrega (CUMN) da Companhia de Jesus, interrogava-se: porque não colocar-se ao serviço do desenvolvimento e da promoção humana, em países com carências de toda a ordem? A ideia foi amadurecendo, tomando forma com o tempo, até que, já em Lisboa, a 11 de Abril de 1986, com o P. António Vaz Pinto, um sonho antigo se torna realidade. Nascem os Leigos para o Desenvolvimento.
A nossa primeira Missão foi em S. Tomé e Príncipe, tendo-se iniciado em Março de 1988. Desde então temos vindo a crescer, procurando dar resposta a diversas solicitações e necessidades, alargando as nossas missões a outros países africanos: estivemos no Malawi ao serviço dos refugiados moçambicanos, de 1991 a 1994; em Angola, no Uíge, entre 1992 e 1993; estamos desde 1993 em Moçambique (primeiro em Lichinga, depois em Fonte Boa, Lifidzi e Cuamba). Em 1996 abrimos uma nova missão em Angola, na cidade de Benguela. Já em 2000, abrimos a primeira Missão fora de África, em Dili - Timor Leste. O contacto com a realidade destes países levou-nos a um olhar mais atento sobre a comunidade africana residente em Portugal. Assim nasceu, em 1993, o Centro de Apoio Escolar S. Pedro Claver, que proporciona apoio escolar a estudantes de minorias étnicas.Nascidos em Lisboa, no Centro Universitário Pe. António Vieira, pela nossa própria dinâmica de Leigos para o Desenvolvimento não poderíamos ficar circunscritos a um só ponto. Nos centros universitários da Companhia de Jesus, em Coimbra, Porto e Braga, surgiram então os Núcleos Regionais que, em estreita ligação com a sede, procuram dar resposta à diversidade de origens dos candidatos a Leigos.
Notícia de Fátima Rodrigues enviada por email
Mais informações em www.ecclesia.pt/leigos

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home