sábado, junho 17

Ajuda para Timor


Segundo o Diário Digital Online, a Fundação Gulbenkian vai enviar para Timor uma ajuda de 120 mil euros, destinada aos deslocados deste mais jovem país do mundo.
Esta é a resposta dada por esta fundação ao apelo feito por António Guterres, o Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados.
Calcula-se que existam actualemente em Timor 130 mil deslocados a viver em campos de refugiados e de acolhimento, sobretudo na zona de Dili.
Agora pergunto:
Haverão mais respostas? Já alguém ouviu dizer que o Governo Português enviou este tipo de ajudas? E a UE? E a Austrália? E os EUA? Não fazem nada deste tipo? Porque é que mandam só armas, tropas e uns quilitos de comida para ficarem com as consciências tranquilas? Será que os timorenses são assim tão desordeiros que só precisam é de segurança? Ou há outros interesses escondidos?
E depois dizemos que se Deus existisse não permitiria que coisas deste género acontecessem aos mais pobres e desprotegidos. Esquecem-se, porém, que Deus só tem as nossas mãos, os nossos pés, as nossas vidas para chegar até esses povos. Decididamente não ponhamos a existência de Deus em questão, quando somos nós os primeiros responsáveis e "abutres" da degradação da sociedade. Tenhamos vergonha na cara!

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home