segunda-feira, março 19

O bem que se faz...

O padre holandês Francisco Van Der Hoff e a paquistanesa Mukhtar Mai são as duas personalidades distinguidas com o Prémio Norte-Sul do Conselho da Europa 2006.

Atribuído desde 1995, o prémio distingue o desempenho de personalidades em prol dos direitos humanos.

A cerimónia de entrega decorreu esta manhã, na Assembleia da República, num acto com a presença do Presidente da Republica, Cavaco Silva.

O Padre Francisco Van Der Hoff dedica-se, há 40 anos, ao comércio justo. Depois de várias paragens pela América Latina, em defesa do trabalho das populações mais pobres e marginalizadas, acabou por se estabelecer no México, onde vive há mais de 20 anos.

Por seu lado, a paquistanesa Mukhtar Mai, “foi violada por um grupo de homens no quadro de leis tribais, devido a uma ofensa que o irmão dela fez a uma das famílias”, explica José Carlos Nunes, director do Centro Norte-Sul do Conselho da Europa.

Os responsáveis foram condenados pelos tribunais oficiais e, com a indemnização que recebeu, Mukhtar Mai abriu uma escola na sua aldeia, dedicando-se a projectos de luta contra a pobreza e de apoio às mulheres vítimas de violência.

Fonte: Página 1 da RR

Etiquetas:

1 Comments:

At 19 março, 2007 16:25, Blogger Maria João said...

Obrigado pelo vosso trabalho de missionários. Se não fossem as vossas gotas, o que seria deste mundo!

Um abraço em Cristo

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home